Atualmente, esta seção não inclui nenhum conteúdo. Adicione conteúdo nesta seção usando a barra lateral.

Image caption appears here

Add your deal, information or promotional text

10 - Aventura de navegação nas Flores, Pico: Visita a várias ilhas dos Açores

* Os viajantes devem ter mais de 14 anos e menos de 80 anos para serem elegíveis a embarcar na viagem

4 beliches disponíveis

Destino: Flores – Faial – Pico - Terceira, Açores

Datas:3 (embarque às 10h00) – 13 de agosto (desembarque às 10h00)

Milhas: 600

Destaques da viagem

  • Explore as cascatas e lagoas vulcânicas da ilha das Flores, uma Reserva da biosfera da UNESCO.
  • Viagem de 600 milhas náuticas entre ilhas dos Açores
  • Descubra as encostas da Montanha do Pico
  • Desfrute de um gin tónico ao pôr do sol no famoso Peter Café Sport
  • Deslumbre-se com a arte dos marinheiros que adorna a marina da Horta
  • Experimente na prática a arte de velejar em todos os aspetos da vida do navio
  • Após o desembarque no final da viagem, pode optar por passar alguns dias a explorar os vulcões da Terceira e nadar nas piscinas de lava.
  • Uma viagem com todo o conforto no recentemente renovado Santa Maria Manuela

Descrição da viagem

A nossa aventura açoreana começa na bonita ilha das Flores, a ilha mais ocidental deste arquipélago a meio do Atlântico, designada Reserva da biosfera da UNESCO em 2009. Passamos 3 dias neste paraíso exuberante onde abundam cascatas e lagoas vulcânicas.

No nosso primeiro dia, tiramos partido dos botes semirrígidos do Santa Maria Manuela e do espírito aventureiro da nossa tripulação explorando grutas escondidas e formações rochosas das escarpas a nordeste e nadando nas praias próximas.

A ilha das Flores é um paraíso para caminhantes e nadadores, pelo que iremos reservar o segundo dia aos aventureiros. Pode alugar um carro ou caminhar até às cascatas próximas.

A Cascata da Ribeira Grande precipita-se por uma parede de granito a oeste da ilha. Em contraste, mas igualmente impressionável, a pequena cascata da Ribeira da Cruz precipita-se para um lago escondido, envolto pela vegetação exuberante do vale. As cascatas mais famosas das Flores são o Poço da Ribeira do Ferreiro na Zona da Reserva Florestal do Morro Alto, com as suas paredes totalmente cobertas por vegetação intensa. Perto do nosso ancoradouro, a cascata do Poço do Bacalhau precipita-se por cerca de 90 metros para uma piscina natural, ideal para um mergulho refrescante. Mesmo por baixo destas cascatas encontra-se a vila da Fajã Grande, com vários restaurantes locais que servem a caldeirada de peixe, o prato tradicional da ilha e uma especialidade local, que talvez só possa ser comparada com o atum grelhado pescado com salto e vara.

Mais para o interior, a Rocha dos Bordões salta à vista. Criada há 570 mil anos, esta enorme coluna de basalto assemelha-se a um órgão de tubos e é maior do que a Calçada do Gigante na Irlanda do Norte.

Para os que já ficaram com o bichinho das Flores, no terceiro dia podem visitar algumas das sete lagoas: a Lagoa Funda, a Lagoa Branca, a Lagoa Rasa, a Lagoa da Lomba e a Lagoa Seca ou desfrutar simplesmente das praias próximas.

Se o tempo o permitir, as aves exclusivas das Flores proporcionam uma visão deste ponto de descanso natural para aves migratórias após a sua passagem pelo continente americano.

Abundam os locais de reprodução e alimentação para as populações de cagarra, pardela-pequena, fura-bucho, andorinha-do-mar-rosada, gaivina-comum e painho-da-madeira.

Após 3 dias em terra, a tripulação do Santa Maria Manuela estará ansiosa para içar o velame e navegar em direção a este. Não há nada que a nossa tripulação aprecie mais do que partilhar os seus conhecimentos da arte da navegação com os nossos passageiros, incentivando-os a participar em todos os aspetos da vida a bordo. Voluntários para içar e ajustar o velame para atingir a melhor velocidade são muito bem-vindos. Estar ao leme de um veleiro de 67 m e sentir como reage aos comandos do timoneiro é algo que ficará para sempre gravado na memória.

As aulas de nós são uma excelente forma de aprender uma habilidade nova enquanto contamos e ouvimos histórias de navegação à vela com os outros tripulantes. Além disso, se o estado do tempo o permitir, haverá a oportunidade de subir ao mastro, ou de descontrair na rede do gurupés. Uma bebida ao pôr do sol no convés será a forma perfeita de encerrar o dia.

À medida que a Montanha do Pico aparece no horizonte, fazemos uma paragem de boas-vindas na Horta com um gin tónico refrescante no famoso Peter Café Sport, frequentado por aficionados da vela desde 1918. Passeie pela marina e deslumbre-se com a arte secular dos marinheiros.

A Montanha do Pico começa a aparecer a este a uma altitude de 2.351 metros e é uma visão tão irresistível que não pode ser ignorada. Se tivermos sorte, a nossa viagem a partir do Faial permite-nos avistar baleias no canal. Os cachalotes são as espécies residentes, juntamente com baleias azuis, comuns e sardinheiras. Os roazes, os golfinhos comuns e os malhados do Atlântico também são comuns nesta altura do ano e recentemente começaram a surgir de vez em quando tubarões-baleia.

Para os que pretendem subir até ao topo da Montanha do Pico, a subida é exigente mas recompensada por panorâmicas fantásticas que, em dias sem nuvens, nos oferece adicionalmente um vislumbre das ilhas Graciosa e Terceira a norte. (Para subir até ao topo, é necessário reservar um guia e estar em boa forma)-

O clima seco e quente do Pico, em conjunção com a riqueza mineral dos solos de lava e a organização do terreno num impressionante mosaico de pedra negra (currais), permitiu um crescente sucesso da cultura da vinha.

Terminamos a nossa viagem na ilha Terceira, onde atracamos em Angra do Heroísmo, cidade património mundial da UNESCO e mais antiga dos Açores, com o seu forte do século XVI e centro renascentista. Após o desembarque, poderá fazer uma vista a Algar do Carvão com a sua chaminé vulcânica de 90 metros de profundidade e as pequenas vinhas da ilha e as piscinas de lava em Biscoitos.

NOTA: As excursões em terra não estão incluídas no preço desta viagem. Recomendamos que reserve o transporte e excursões com antecedência.

Pesquisa